Roadtrip na França: Rouen, Étretat, Mont Saint Michel e Saint-Malo

Na semana passada, fizemos uma viagem de carro na França. Saímos de Paris na segunda pela manhã bem cedo, passamos por Rouen, visitamos Étretat e terminamos o dia no Mont Saint Michel. Na terça-feira, passeamos por Saint-Malo antes de voltar para Paris. Para completar, ficamos hospedados em um castelo! Convidamos nossos seguidores para ir conosco nessa aventura pelas redes sociais. Para quem não pode acompanhar em tempo real, vamos contar um pouco da nossa roadtrip aqui no blog, com ajuda das fotos e videos postados nas redes sociais durante a viagem.

Mont Saint Michel

Pôr do Sol no Mont Saint Michel

Saímos de Paris por volta das 7:30 da manhã em direção à Rouen, cidade conhecida tanto pela belíssima catedral como por ser a cidade de Joana D’Arc. Infelizmente, tivemos um pequeno imprevisto: ao chegar lá, descobrimos que a catedral só abriria à tarde. Mas aproveitamos para andar um pouco pelas ruazinhas do centro da cidade, ver o jardim da igreja de Joana D’Arc (que também estava fechada) e, no final, fizemos um pitstop na atração mais nova (e menos francesa) da cidade: um café inspirado no Central Perk, da série Friends.

A segunda parada do nosso passeio foi em Étretat, para conhecer as famosas falésias de calcário. A cidade é ponto super-turístico da Normandia, região do norte da França e os visitantes vem para relaxar e fotografar as paisagens únicas. Do centro, é impossível não se impressionar com as belíssimas falésias de ambos os lados. Dá para fazer trilhas e longas caminhadas. Escolhemos o lado da igreja e subimos o penhasco, para ter a vista panorâmica. Outro detalhe: a praia não tem areia, mas sim pedrinhas!

Segunda parada do dia: falésias de Étretat. #etretat #franca

A photo posted by SOSViagem ✈️🚂🚘 (@sosviagem) on

Seguimos viagem. Almoçamos na simpática Honfleur e passeamos na roda-gigante. Mas não ficamos muito tempo pois estávamos ansiosos pela próxima parada e objetivo maior da viagem: o Mont Saint Michel.

O Mont Saint Michel é uma famosa abadia do norte da França. Fica num pequeno vilarejo medieval, cercado por grandes muros de pedras. É preciso deixar o carro em um grande estacionamento e seguir em um ônibus até a porta das muralhas. O local recebe muitos turistas diariamente, que, em sua maioria, fazem um rápido bate-volta de Paris. Nós aproveitamos o horário de verão (que significa sol até tarde e horários das atrações prolongados) e só chegamos lá por volta das 20h, fugindo do horário de pico dos turistas. Ganhamos uma visita bem tranquila e um pôr-do-sol belíssimo, além de ver o monte iluminado à noite, depois da visita. Apesar de ser uma abadia, para quem não é especialista no assunto, o prédio tem ares de castelo medieval, e conta com varandas, grandes salões para refeições, belo jardim interno com vista para o mar, calabouços, extenso jardim externo, entre vários outros cômodos abertos à visitação. Durante nossa visita, o monumento desafia os visitantes a imaginar um morador misterioso com garras e asas… seria um pássaro ou um dragão? Não se preocupa, querido leitor, que vai rolar um post especial só sobre o Mont Saint Michel. Mas já adiantando uma dica importante: no verão, os restaurantes fecham antes da abadia, então se programe com antecedência para não ficar sem jantar… Nós não achamos nenhum restaurante aberto após nossa visita, e acabamos comendo um sanduiche simples no final do dia.

E a estrela do dia: Mont Saint Michel. #montsaintmichel #franca

A photo posted by SOSViagem ✈️🚂🚘 (@sosviagem) on

No dia seguinte, fizemos um tour no Chateau de Chantore, um castelo privado que foi também nosso hotel! Olha só a nossa avaliação da hospedagem perto do Mont Saint Michel (spoiler alert: já vou adiantando que é super-recomendado).

Para terminar a viagem, passamos o resto do dia em Saint-Malo, uma cidade litorânea francesa também cercada por uma muralha medieval. Muito visitada pelos turistas, é um passeio super agradável em um dia de verão. A história da cidade é muito ligada a corsários (os primos legais dos piratas), então aproveitamos para visitar a casa-museu de um corsário e aprender um pouco mais sobre essa história.

Uma tarde na linda Saint-Malo. #franca #saintmalo

A photo posted by SOSViagem ✈️🚂🚘 (@sosviagem) on

Para fechar com chave de ouro, como estávamos na região da Bretanha, não podíamos deixar de jantar um típico crepe bretão, prato típico da região.

Na #Bretanha, não dá para fugir de um #crepe. E esses estavam uma delícia! #saintmalo #franca

A photo posted by SOSViagem ✈️🚂🚘 (@sosviagem) on

Agora, querido leitor, tenho uma pergunta para vocês: o que vocês acharam de acompanhar nossa viagem curta em tempo real nas mídias sociais? Curtiram? Queriam mais instagram? Preferiam mais snaps? Conta para gente! (E se alguém tiver dicas de como adicionar os videos do snapchat aqui, conta pra gente também!)

Continue organizando sua viagem:

- Encontre o hotel perfeito para a sua viagem
- Não corra riscos e contrate um seguro de viagem
- Ganhe tempo e garanta seu ingresso para algumas das atrações mais concorridas do seu destino
- Vai precisar de carro? Compare as empresas de aluguel de carro disponíveis no mercado

Leave a Reply

África Américas Ásia Europa Oceania
O Melhor Sovete de Buenos Aires
Procurando o Melhor Sorvete de Buenos Aires
Tromso, Noruega
Cinco atrações imperdíveis em Tromso, Noruega
Marrocos é um dos destinos africanos mais visitados por turistas no mundo.
3×4 Marrocos: dicas de quatro blogueiros de viagem
Como arrumar sua mala
Como planejar uma viagem: arrumando as malas
dinheiro
Como planejar uma viagem: como levar dinheiro
Como planejar uma viagem: fechando o roteiro
Hotel
Como planejar uma viagem: hospedagem
Guia de Paris: 10x10 Paris
Guia de Paris: 10×10 Paris
Guias de Viagem
Guias de viagem para inspirar e organizar sua próxima aventura
Mini Guia: Roma
Mini Guia: Roma
Mini Guia: Berlim
Mini Guia: Berlim
Compartilhar
Twittar
Pin
+1
WhatsApp
Email