Cruzeiro no Canal do Panamá: Antigua Vieja (Guatemala) e muñecas quitapenas

Acordamos em Puerto Quetzal, Guatemala, e logo entramos em uma excursão para Antigua Vieja (ou la Antigua), terceira capital guatemalteca, famosa pela sua arquitetura barroca espanhola e tombada pela UNESCO como patrimônio mundial devido às suas ruínas.

A cidade foi fundada em 1543 pelos espanhóis, e durante 200 anos foi sede do governo colonial. Em 1717 foi atingida por um grande terremoto, e a capital precisou ser remanejada para outra área. Hoje o conjunto arquitetônico remanescente é impressionante, em especial as ruínas da fachada da Igreja do Carmo (El Carmen), que nos fazem imaginar a grandiosidade da construção em seu tempo, e Arco de Santa Catarina (pertencente ao convento).

Praça principal de Antigua

Praça principal de Antigua

No centro ativo, chamam a atenção, a Plaza Central, o Palacio de lós Capitanes (passeio coberto protegido por arcadas, ao estilo espanhol) e a Igreja de las Mercedes.

Além de visitar a cidade, fomos ao museu do jade, pedra preciosa característica do país, atualmente trabalhada em joias e objetos de cunho religioso. Suas tonalidades mais comuns são verde e cinza, mas há outras cores, sendo a preta a mais apreciada, e também a mais rara. A pedra é valorizada por várias culturas, tendo sido muito utilizada pelos maias para oferendas aos deuses. Além de uma boa perspectiva histórica do tema, o museu mostra como é feita sua manufatura pelos artesãos, e a lojinha existente no local tem peças muito bonitas. Adoramos umas medalhas com o signo maia de cada pessoa, que o vendedor descobre com base no dia e ano do aniversário, consultando um livrinho.

Igreja de Antigua (Guatemala)

Igreja de Antigua (Guatemala)

Na volta, andamos pelas lojinhas próximas ao porto, tomamos um maravilhoso sorvete de frutas e compramos souvenirs numa simpática feirinha próxima ao embarcadouro. Tudo muito alegre e colorido… Além de peças em jade (e, obviamente, também falso-jade), destaque para as máscaras em estilo maia, as tapeçarias, a cerâmica criativa relatando cenas da vida cotidiana… A “novidade” ficou por conta das “muñecas quitapenas”, umas bonequinhas bem pequenas (com altura equivalente a metade de um dedo anelar) vestidas com trajes maias e colocadas em saquinhos de tecido. São as “bonequinhas da preocupação” que, se forem colocadas sob o travesseiro ou no encosto da cama, podem nos ajudar a resolver os problemas que nos afligem. Todos compramos várias… talvez possam ser uma boa ajuda para nossos amigos psicólogos!

Continue organizando sua viagem:

- Encontre o hotel perfeito para a sua viagem
- Não corra riscos e contrate um seguro de viagem
- Ganhe tempo e garanta seu ingresso para algumas das atrações mais concorridas do seu destino
- Vai precisar de carro? Compare as empresas de aluguel de carro disponíveis no mercado

Leave a Reply

África Américas Ásia Europa Oceania
3x4 Austrália.
3×4 Austrália: Dicas de quatro blogueiros de viagem
Casa de Jorge Luís Borges.
Casa de Jorge Luís Borges: em busca do Aleph
Olinda, Pernambuco.
Olinda (PE): Teus coqueirais, o teu sol, o teu mar!
Guia de Paris: 10x10 Paris
Guia de Paris: 10×10 Paris
Guias de Viagem
Guias de viagem para inspirar e organizar sua próxima aventura
Mini Guia: Roma
Mini Guia: Roma
Mini Guia: Berlim
Mini Guia: Berlim
Compartilhar
Twittar
Pin
+1
WhatsApp
Email