Cruzeiro no Canal do Panamá: Adeus ao mar

O último dia no mar foi uma grande festa de despedida. Todos pareciam eufóricos, tripulantes e visitantes. Como seriam mais de 24 horas de viagem, organizaram um brunch, que foi super-animado. As pessoas trocaram fotografias e endereços, e foi legal sentir que havíamos feitos alguns amigos.

Entre o almoço e o jantar a temperatura mudou rapidamente. Saímos do calor tropical e entramos em um início de inverno. Se, no começo da manhã, alguns ainda tinham aproveitado a piscina (mesmo com pouco sol), a tarde começaram a aparecer pessoas com blusas de mangas compridas e mesmo um casaco leve.

Em todos os lugares, o clima de final de atividades começou a instalar-se. Os campeonatos infanto-juvenis (basket, dança, jogos diversos) tiveram suas etapas finais e foram distribuídas as medalhas; até o karaokê fez uma despedida e premiou os mais assíduos, os mais engraçados, os mais talentosos, os mais esforçados…

Aproveitamos para voltar aos nossos lugarezinhos favoritos e curtir detalhes: um drink legal, o cookie mais crocante, aquele sorvete azedinho preferido. Depois chegou a hora de ir para o apartamento e deixar a bagagem mais ou menos em ordem. Fomos alertados que, antes de dormir as malas maiores deveriam ser colocadas no corredor, pois seriam removidas durante a noite, e só ficaríamos com a bagagem de mão. Essa é uma providencia fundamental para facilitar o desembarque, e mostrou-se realmente útil no dia seguinte. Só quando foi preciso organizar a bagagem descobrimos o quanto o pequeno apartamento do navio consegue se tornar grande… foi difícil colocar tudo novamente nas malas, incluindo os muitos souvenirs adquiridos.

A noite houve uma festa para premiação dos tripulantes com melhor desempenho, que começou no teatro e continuou no jantar… foi bem interessante. Palmas, palmas, palmas… todos realmente se esforçaram para atender-nos e mereciam homenagens.

Antes de dormir fiquei no terraçinho do nosso apartamento olhando o mar e a escuridão lá fora. Restou uma saudade gostosa dos dias que passamos ali. Momentos de descontração e reflexão, e um contato com um mundo diferente a ser revisitado.

Continue organizando sua viagem:

- Encontre o hotel perfeito para a sua viagem
- Não corra riscos e contrate um seguro de viagem
- Ganhe tempo e garanta seu ingresso para algumas das atrações mais concorridas do seu destino
- Vai precisar de carro? Compare as empresas de aluguel de carro disponíveis no mercado

Leave a Reply

África Américas Ásia Europa Oceania
3x4 Austrália.
3×4 Austrália: Dicas de quatro blogueiros de viagem
Casa de Jorge Luís Borges.
Casa de Jorge Luís Borges: em busca do Aleph
Olinda, Pernambuco.
Olinda (PE): Teus coqueirais, o teu sol, o teu mar!
Guia de Paris: 10x10 Paris
Guia de Paris: 10×10 Paris
Guias de Viagem
Guias de viagem para inspirar e organizar sua próxima aventura
Mini Guia: Roma
Mini Guia: Roma
Mini Guia: Berlim
Mini Guia: Berlim
Compartilhar
Twittar
Pin
+1
WhatsApp
Email